quinta-feira, dezembro 31, 2009

Obrigada 2009!!!

Pensando no ano que passou, balanço das coisas boas e ruins, posso afirmar, sem dúvida que este ano aconteceram mais coisas boas do que ruins - aliás, como tem sido sempre na minha vida.

1) Janeiro, fevereiro, março: quase pirei na tese.

2) Abril: entreguei a tese.

3) Maio: defendi a tese. E não dei vexame. Alívio imenso.

4) Geral: algumas perdas. Talvez perda não seja bem o termo. Melhor seria dizer que me deparei com algumas verdades que me abalaram. De um jeito que talvez não seja possível a volta. Mas...nunca se sabe!

5) Junho: consegui emprego em duas faculdades.

6) Julho: pau na Rural e mico total! Fui eliminada já na prova. Fundamental pra eu aprender (sem hipocrisia).

7) Geral: continuo me autosacaneando em questões básicas e cada vez mais convencida de que o meu maior obstáculo sou eu mesma. O que também traz algum alívio se você for pensar bem.

8) Agosto: comecei a dar aulas em ritmo frenético.

9) Setembro/outubro: nada de relevante que eu me lembre. Ah é: quase pirei.

10) Novembro: tomei pau num concurso pro CPDOC/FGV. O consolo é que os candidatos que passaram era gente com pós-doutorado nos EUA, professor visitante na Alemanha, funcionário de institutos federais que cuidam do patrimônio...outro nível de concorrência. Um dia, quem sabe...

11) Ainda novembro: minha tese saiu na Bravo!

12) Ainda novembro: comemoração do meu aniversário, com um grande churrasco.

13) Dezembro: minha tese saiu na Veja.

14) Geral: Tive a oportunidade de conviver mais de perto com Formigas Mãe e Irmã.

15) Voltei a dirigir (não lembro o mês). Ainda não saio sozinha de carro, mas que voltei, voltei. E dei entrada na renovação da carteira (que ainda não saiu).

16) A partir do segundo semestre: conseguindo economizar dinheiro.

17) Geral: minha amiga Fló passou o ano perto de mim (ôwm, que meigo!).

18) Uma das minhas melhores amigas, a Baila, voltou pro Brasil e eu pude encontrá-la várias vezes, ainda que eu não more mais no Rio.

19) Tive a oportunidade de estreitar os laços com a Renata, amiga de amigos, mas nem tão amiga minha. Houve perdas, mas este, sem dúvida, foi um ano de ganhos em termos de amizade. Ou empate pelo menos.

Desejo a vocês, meus queridos leitores (muito queridos mesmo), tudo aquilo que mais almejo para minha própria vida. Um 2010 cheio de “alegrias profundas e verdadeiras”, como diria a Dedinha, minha tia. Porque uma alegria profunda e verdadeira é realmente o que importa. Mas se não der, que fiquemos com as superficiais mesmo. Mas que elas não nos distraiam quando a grande e verdadeira aparecer.

Desejo muita paz, que é o mais importante. Quando você tem paz é sinal de que conquistou todo o resto (dinheiro, saúde, amor, sucesso, realizações...) ou que aprendeu a viver com a falta de algumas destas coisas – o que faz toda a diferença.

Desejo que vocês descubram (ou pra quem já encontrou que mantenha bem perto) o essencial em suas vidas.

E que vocês tenham uma vida simples, pois eu não consigo pensar em luxo maior do que este.

Muito obrigada por mais um ano de visitas. Diárias, esporádicas, quinzenais...muito obrigada por fazer parte do cotidiano de muitos de vocês e por vocês fazerem parte do meu.

E deixa eu ir que a ceia de Formiga Sênior emana eflúvios dionisíacos da cozinha. Um grande beijo e até o ano que vem!

12 comentários:

ila fox disse...

Que neste novo ano você consiga dominar o mundo, por que os leitores você já conseguiu! ;-)

beijocas

Docinho de abacaxi disse...

Que neste ano a sua tese a leve pra páginas amarelas da Veja ou qualquer coisa assim que vc queira muito. Afinal, o esforço tem que ser reconhecido, né?
Beijos!

trinity disse...

Que 2010 vc possa conquistar todos seus ideais.
E que vc escreva muito no blog pra deixar meus dias mais felizes e reflexivos.

Bárbara disse...

Realmente não há luxo maior do que uma vida simples. Que seu 2010 seja de dias simples e de paz.
E parabéns pela divulgação da tese. Eu vi as duas revistas e agora espero a publicação em livro... Vai sair???
Bjs

Ana Manga disse...

Vc é sábia, miguxa. É ampla, enxerga muito, não se engana, não se acha de mais nem de menos, tem aspirações reais, sabe que a responsabilidade tá na sua mão, sabe que somos nós mesmos nossos únicos inimigos (mas que a gte tb pode ser nosso melhor amigo, se se conscientizar e trabalhar e tal). Vc dá aula pra dar aula mesmo, e dói mesmo sentir o quanto é muito foda dar uma aula decente nas IE privadas. Vc é doce, essa doçura de quem ama a loucura do ser humano, e é dura consigo mesma porque sabe que agüenta.

Eu admiro muito você, eu aprendo horrores com vc, a gte reflete muito juntas, eu até torço pra q um dia a gte conviva fisicamente, pq dá muito alívio saber q tem mais gente enxergando as coisas, analisando os fatos, tentando todo dia... Que o seu ano seja conivente com a sua cada vez maior estatura de alma. Um beijo estalado na testa, querida. Muito muito querida você.

p.s.: Adorei a teoria dos anos pares e ímpares! Já tava botando fé em 2010, mas agora tenho certeza de que vai bombar!! :o)

Eliane, Belo Horizonte/MG disse...

Carrie vc é admirável. O ano que passou eu conheci o blog, diverti-me, emocionei-me com seus textos, vc consegue expressar, magistralmente, aquilo que às vezes nos é difícil definir. Aprendi tb com vc. Menina vc é de ouro!! Que neste ano e nos próximos vc escreva, expresse-se, eu desejo que todo o acréscimo que vc nos trás lhe seja devolvido 10 vezes mais, rs. Parabéns, um grande abraço.

sonia a. mascaro disse...

MUITAS FELICIDADES EM 2010!

Realmente, você disse uma verdade: uma vida simples, pois eu não consigo pensar em luxo maior do que este.
Beijos.

Ana Paula disse...

Só uma dica: saia de carro sozinha. A gente só aprende a dirigir saindo sozinha mesmo. Você vai ver como vai dirigir bem melhor qnd estiver só você e o carro. Você vai ter mais domínio sobre ele. E não se abale quando fizer besteira no trânsito: merdas todos fazem quando estão começando a dirigir; é que depois as pessoas esquecem.

Ana Paula disse...

Só uma dica: saia de carro sozinha. A gente só aprende a dirigir saindo sozinha mesmo. Você vai ver como vai dirigir bem melhor qnd estiver só você e o carro. Você vai ter mais domínio sobre ele. E não se abale quando fizer besteira no trânsito: merdas todos fazem quando estão começando a dirigir; é que depois as pessoas esquecem.

Lua disse...

Sempre leio seu blog, mas raramente deixo comentários!
è sempre bom rever o que no aconteceu para termos uma visão mais clara daquilo que queremos manter, daquilo que merece um pouco mais de atenção, mas principalmente para vermos quais erros não queremos mais cometer! Apesar de eu não acreditar nas promessas de ano novo, acredito que o inicio de uma nova etapa é sempre favoravel para mudanças positivas para nossa vida! este seu ano foi extremamente bom e com certeza o ano de 2010 tem tudo para que venham mais frutos bons e doces!
Bjos e parabéns pelo Blog!

Carrie, a Estranha disse...

Querida Ila,

Obrigada! :)

Docinho,

Rsrsrs...Thank you so much!

Trinity,

Eu fico muito feliz por deixar seus dias mais felizes e reflexivos.

Bárbara,

Até agora não tenho nada em vista, mas quero batalhar para isso.

Ana,

Como sempre suas palavras me levaram às lágrimas, mas não sei se sou merecedora delas. Eu tenho certeza q ainda vamos conviver. ;)

Eliane,

Muito, muito obrigada. São palavras como esta q me fazem escrever todos os dias por aqui.

Sônia,

E não é? Nada mais luxuoso.

Ana Paula,

Só vou ter coragem de sair sozinha no dia em q tiver carteira. Não tem jeito.

Lua,

Ano novo é sempre q a gente decide mudar as coisas, né?

Muito obrigada pelos elogios.

Bj gde a todas.

Lilith disse...

Que seu ano tenha tudo que te faça feliz...bjus.