terça-feira, abril 08, 2008

Perguntas que não querem calar no caso-Isabela...

...como um cara feio - feio, não: horroroso - brega, barango, que usa bigodinho ralo (bigodinho ralo é o último grau de degradação masculina, um acima do "uso de pochete" e "corrente"), cafona, totalmente desprovido de charme, violento, agressivo e ainda por cima pobre, consegue casar com duas mulheres bonitas e mais novas que ele? Não, não me venha com teorias de que ah, mas ele deve ter alguma coisa a mais. Não. Não tem. Eu tô vendo que não tem. Isso é um mistério muito maior do que descobrir quem matou a menina. Isso só confirma a minha tese de que mulher é o bicho mais idiota que existe. Apanha dum prego desse e ainda por cima retira a queixa. Tenho dó, não.
...como a pessoa se casa com duas mulheres de nomes iguais, da mesma idade??!!
...como os advogados de defesa se prestam a ir a programas femininos da TV aberta? Se fosse meu advogado eu demitia.
...se eles tinham jantado na casa dos pais/sogros, por que passaram na lanchonete? Tomar sundae de sobremesa? Eles nem fizeram um docinho pras crianças? As crianças não gostaram da comida servida?
Outras questões que me espantam é o linchamento moral que a impresa tem feito. Sim, eu acho que o casal matou a menininha - na verdade, acho que ele se descontrolou, enfiou a porrada e quando viu que ela estava morta resolveu simular um acidente - sim, eu acho isso um dos crimes mais chocantes, mas...quem julga é a Justiça. E todo mundo é inocente até provar o contrário. E impresa não tem nada que ficar julgando ninguém - a história está repleta de erros de julgamento impetrados pela Dona Nídia que resultaram em catástrofes pessoais.
Que mundo é esse, que sociedade é essa? Ora, amigo leitor. O mesmo de Medéia, Herodes, Cinderela, Joãozinho e Maria...Madrastas invejosas, mães que matam filhos, filhos que matam pais, adultos que fazem mal a criancinhas não são privilégios do nosso tempo. Sem contar as mães/pais que matam os filhos de outras formas, aos pouquinhos, silenciosamente. Mania que as pessoas têm de achar que as coisas deveriam ser melhores do que são. Iluministas!!

10 comentários:

Kelly Christynna disse...

esse seu post é criminoso.

NanaZylber disse...

Por quê? A liberdade de expressão ainda existe no 'Brazil'!

Carrie, a Estranha disse...

Kelly,

Acho q vc não entendeu nada. Se ficou parecendo q eu defendi o casal, isso é a mais deslavada mentira e vc está colocando palavras na minha boca. Eu ainda reli o texto pra tentar ver onde q eu poderia estar cometendo algum "crime", mas não achei. Tb não vou ficar me explicando. O texto está suficientemente claro. A gente ouve/lê o que quer. Só acho q a gente tem q ter cuidado antes de sair acusando as pessoas, até agora sem provas. Espero q vc me trate com a educação com q eu sempre te tratei.

Nana,

POis é.

Tati Tatuada disse...

Pois acho que a prisão temporária foi decretada justamente por causa dos advogados.

bel seslaf disse...

Só pra dizer que entendi e concordo, como você deve ter adivinhado pelo meu bostzinho 'ufa, não sou jornalista'.

Carrie, a Estranha disse...

Tati,

Sério? Por quê?

Bel,

É, eu imaginei qdo li o seu post ("bostzinho"...hahahaha). Só q, infelizmente, meu lado escorpiano A fala (ao invés de calar a boca). Eu esqueço q há certos assuntos-tabu que, qualquer coisa q vc escreva q não seja mata-esfola-fura é mal interpretado.

Bjs

Bella disse...

carrie baby, concordo total contigo, tava comentando isso com a minha mãe essa semana. essa coisa do julgamento da mídia e da sociedade, de uma prisão sem provas ou julgamento. eu não sei o q pensar sobre quem matou a menina, tá td mto esquisito...
bjs

Ila disse...

Ontem foi um investigador criminalístico na Jovem Pan, ele falou muita coisa interessante sobre este caso!

Uma das coisas que me chamou atenção foi o fato deles terem gritado que a porta foi arrombada (ué, não tava aberta?) e que "foi ladrão", e logo em seguida estarem ligando pro resgate na hora do acidente... eu te pergunto: imagine um filho seu caido do prédio, vc não sbe se está vivo ou morto, a sua primeira reação é pegar nos braços e sair desesperado, e não criando aquela cena para convencer de que não teve culpa...

Acredito na sua teoria Carrie, acho q ele se descontrolou, deu porrada na menina e quando viu a cagada q fez tentou arrumar.

Carrie, a Estranha disse...

Ila,

Mas tb acho q a gente tem q tomar cuidado pra não julgar o comportamento a partir da gente. Cada um tem uma reação diferente. Tb ouvi isso em algum lugar.

Bjs

Jussara disse...

Só vc pra ter coragem de colocar a cara à tapa e fazer um primeiro parágrafo engraçado como esse. Eu achei bizarro o fato das duas terem o mesmo nome, e logo vi tb que as duas são bem bonitas.
Concordo com o que vc disse no restante do texto, mas tô cada vez mais confusa, não sei mais o que pensar.Mas como vc disse, quem julga é a justiça.
O lance de passar no supermercado não foi pra comprar algum eletrônico?parece que eles fizeram crediário, algo assim, não?