sexta-feira, janeiro 12, 2007

Eu gosto (?) de ser mulheeeer...


Eu gostaria que os homens fossem mulheres somente durante um mês. Sei que o assunto é batido, mas eu preciso falar. Há 30 anos que eu sou mulher – quer dizer, gênero feminino, pois quando era criança eu ainda não era “mulher” propriamente dita – e não me acostumo.

Homens têm que lidar com a variação de seus hormônios apenas na adolescência e na andropausa (se é que ela existe, mesmo). Mulheres, além da adolescência e menopausa, têm a gravidez - que dizem transformar o corpo e as emoções em uma montanha russa - e a menstruação.

E quando eu falo sobre menstruação eu não me refiro apenas às alterações do período pré e durante, mas ao ciclo completo que traz sempre oscilações – nem todas ruins, algumas muito boas. Se você toma pílula anticoncepcional isso tende a estabilizar, mas ainda assim é impossível uma mulher passar incólume pelos 28 dias de seu ciclo menstrual.

Mês passado eu falava sobre isso também e sobre o fato de eu negar a TPM todo mês. O pior é a TPM variar todo mês. Tem mês que eu fico comilona-chorona, em outros agitada-ansiosa, em outros ansiosa-comilona, em outros depressiva-raivosa e uma infinidade de combinações que nunca deixa de me surpreender. Quando elas não resolvem vir todas juntas, é claro.

Passei dois dias quase insones, agitada. Mas ao contrário de outros meses não foi uma agitação ansiosa, que me paralisava, mas uma agitação produtiva, em que fiz mil coisas. Ontem à noite eu já vi que alguma coisa estava estranha. Deitei às onze e pouca (cedíssimo pra mim) e acordei hoje às nove. Com uma olheira preta e inchada. Claro, era ela quem tinha chegado.

Ao contrário de ontem, hoje tudo assumiu outra perspectiva. As coisas estão lentas e fugidias. Eu realizo as atividades costumeiras, mas é como se um botão de slow motion tivesse sido apertado. Mas elas não estão pesadas, muito pelo contrário. Estão leves e lentas. Essa sensação eu não conhecia.

Eu sei que todo ser humano tem oscilações, e mesmo dentre as mulheres existem aquelas que não se identificarão com esse texto, pois são mais estabilizadas, mas será que os homens têm isso também?

Os homens dizem que não entendem as mulheres. Eles estão certos. Homens e mulheres são muito diferentes. Mulheres não devem ser entendidas, mas compreendidas, amadas, com carinho, cuidado e delicadeza. Na dúvida, cale a boquinha e traga sempre um chocolate no bolso. Flores também são aceitas nessa época.

Ai, tô tão mulherzinha!

8 comentários:

Ila Fox disse...

Tudo bem que é um assunto "batido" como você disse, mas hoje mesmo li em outro blog um post sobre TPM, que coisa né? será que é a pressão atmosférica que tá deixando nós mulheres uma pilha de nervos?

Outro post sobre TPM está aqui no Blog da Adri e do Mario AV.
http://www.justlikeheaven.blogspot.com/

Jussara disse...

Carrie, ontem mesmo estava pensando se vc não estaria na TPM, pq lembro que no mês passado vc escreveu sobre isso, e eu tb estava com a dita... e esta semana o bicho tá pegando; ao contrário de vc, pra mim está tudo pesado, inclusive meu corpo, que parece que pesa uma tonelada; fico inchada,irritada, cansada,minha cabeça dói, e pra completar, fiquei gripada :(

Tereza Cristina disse...

Querida, voltei!!!
Férias, sabe como, né???
E voltei cheia de exclamações, interrogações e reticências, ou seja, a mesma!!! rsrsr
Bom, já li sobre a viagem e estou esperando a tal surpresa.
Beijinho

Carrie, a Estranha disse...

Ila,

Valeu pela dica do blog. Vou ler.

Jussara,

Hahahaha...Adorei saber q vc estava pensando se eu não estava de TPM! Sim, fueda. Agora a cabeça tá doendo.

Teresa,

Q bom q voltaste! Eu tb viajei umas duas semanas e agora vou sair de novo.

Bom, não tem graaandes surpresas assim (rsrsrs), eu só resolvi deixar uns textinhos a mais aqui pra vcs se divertirem. Particularmente uns contos.

É isso.

Bjs

Tereza Cristina disse...

OBAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!!

Ione disse...

Soja, minha filha, muita soja :P
Desde que eu passei a tomar um copo de leite de soja por dia os sintomas caíram em uns 70%. Principalmente a ansiedade e depressão, que me matavam.
Beijos!

Tereza Cristina disse...

A lindinha Andrelândia é perto de Lima Duarte que é perto de Ibitipoca. Você conhece o parque? É lindo! (Marido é de Juiz de Fora, que também é perto).
beijinho

Carrie, a Estranha disse...

Ione,

Sério? Será? Um simples copinho de leite de soja? Vou tentar.

Teresa,

Nunca fui, mas vários amigos foram e sempre ouço falar super bem.

bjs
Adoooro JF!!!