terça-feira, outubro 16, 2007

Mas eu te disse, eu te disse, não disse?


Minha professora de inglês caiu na porrada – literalmente – com um assaltante que tentou roubar a bolsa dela. Onde? Na rua dela, em Santa Tereza, claro.

Eu avisei, não avisei?

Quando eu disse que Santa Tereza – e demais bairros bucólicos do Rio – são mais perigosos do que outros na muvuca – que também não quer dizer muita coisa, pois o referencial do morador de grande cidade ta cada vez pior - neguinho falou que eu tava exagerando, que eu não conheço o Rio e tal e cousa. Tá bom, então.

Os dois caíram no chão. O cara não tava armado, claro. Fora um machucado no dedão ela não sofreu grandes escoriações. Ele não levou a bolsa, mas conseguiu arrancar o relógio dela. Que horas? Quatro da tarde.

19 comentários:

Bella disse...

nossa, q chataço pra ela, hein? eu tb sempre ouvi dizer q santa teresa é meio sinistrinho msm. mas cara, mudar pro brasil... tem q ter mta disposição para largar td e mudar pra cá. o povo é mto iludido...

Lóh disse...

caramba!
mas ela ainda pensa em continuar lá?
se fosse eu tratava de arranja outro lugar pra morar o mais rápido possível.

xêro Carrie

Hetie & Claudio disse...

Puxa, que chato... fico APAVORADA qdo ouco/leio essas coisas.... meu cacula mora no Rio e espero, sinceramente, que Deus continue ouvindo minhas preces..
Boa sorte e amor para todos...
Hetie

Azure disse...

Realmente gringos gostam de atividades radicais... Que bom que o cara não tava armado.

Raposa Ila disse...

Se tem uma coisa que me tira do sério é ladrão.

Nada me revolta mais do que a idéia de alguém invadir sua vida assim para levar suas coisas, sua segurança, sua vida.

Eu sairia no tapa com ladrão facilmente (lógico, se ele não tivesse armado ou se eu percebesse que a arma é de brinquedo).

A ultima vez que um entrou em casa fiz ele ir embora.

Eu só tenho 1.58.

>:-/

Carrie, a Estranha disse...

Bella,

Ela pensa em ir embora do Brasil. Não por isso, mas por outras coisas.


Loh,

Ah, ela não sai de lá não!

Hetie,

Sim, Deus ouvirá suas preces!

Azure,

Pois é...santa e gringos: tudo a ver.

Ila,

Eu tenho muito meda de vc. Acertou o teste de psicopata, bota ladrão pra correr. Meda, muita meda.

Bjs a todas

Hetie & Claudio disse...

Ah, pois eu.... esqueci de comentar que eu ERREI no teste... Gracas a Deus!!!!!!!!!

Beijinhos
Hetie

Ila Fox disse...

Hahahahahah, tô me sentindo a própria personagem de um anime que chama Karekano... tinha uma baixinha, loirinha de olho azul, a Chibahime que virava o BICHO quando tava zangada. Sou eu. :-P

Raposinha Ila disse...

Pior que nem sei o que houve no dia que o ladrão entrou dentro de casa!

Quando eu o vi parado no quintal, eu só parei a uns 5 metros dele, botei a mãozinha na cintura e perguntei:

"quem é você? o que você está fazendo aqui??"

Então o cara virou as costas e foi embora...... :-/

Acho que ele deve ter algum trauma.

Dissimulada disse...

Eu errei o teste, mas já me defendi de ladrão sim...defendi é modo de dizer, pra não chocar ..rs veja só a petulância do gajo queria levar minha medalha de estimação, feita por um escultor, e que foi um presente...nananinanão!! Bom, teve a parte que fui ao p. socorro para uma suturazinha né, mas a medalha ficou ...cretino vê se pode..arghhhh

Ila Fox disse...

Ontem mesmo li uma matéria que um senhor tirava a orelha do ladrão fora na hora que percebia que a arma era de brinquedo.

Aliás, ultimamemnte tenho visto vááárias matérias que falam de pessoas que reagem de forma inesperada na hora de um assalto, acho que o povo já está de saco cheio destes bandidos.

Mas eu não aconselharia ninguém a fazer isso, é o tipo de coisa que só na hora que você percebe se dá esquema ou não.

Cris disse...

ah, gente, peraê. em que mundo vocês vivem? um assalto como esse pode acontecer em qualquer lugar do mundo ocidental, qualquer. não estou falando de tráfico, nada disso, estou falando de assalto. desculpa, bella, mas brasileiro também é muito, mas muito iludido...

[e eu tô fã dessa gringa; rolar no chão com assaltante foi tudo, hehe.]

Bella disse...

sim cris, pode acontecer em qq lugar do mundo. o lance é q a proporção aqui é bemmmmm maior q em mtos outros lugares. eu, por exemplo, já fui assaltada umas 7 ou 8 vezes. quase todas aqui msm em niterói. como eu, conheço várias outras pessoas q passaram por isso. pára pra pensar em qtas pessoas vc conhece e qtas já sofreram algum tipo de violência. a maioria delas, pode acreditar.
sim, brasileiros tb são iludidos. concordo plenamente. se não fossem, já teriam ido embora há mto tempo.

Cris disse...

ah, sim. então eu moro em marte. ou na ilha da fantasia. tenho 42 e fui assaltada duas vezes. na minha família sou a única. pai, mãe, irmãos. ninguém foi. e, como somos amigas e eu te adoro, não vou dizer que essa tua frase última frase é típica de brasileiro iludido. mas melhor deixar pra lá. isso. bjs

Bella disse...

sim, eu sou iludida, senão tb já teria ido embora. e não venha me dizer q os outros lugares são todos como aqui. com certeza existem lugares melhores. cada um com seus problemas sim, mas certamente existem lugares com problemas em menor escala q os nossos.
ah, claro. existem lugares bem piores. não estou me referindo a eles.

Bella disse...

parei com essa discussão. pode falar o q quiser. humpf!

Carrie, a Estranha disse...

Ôs, criança! Será q eu vou ter q intervir e colocar uma em frente a outra pra dar aquele abraço? Ai, ai, ai...

Bjs

Cris disse...

só se você me deixar puxar a cabela dela primeiro, tia carrie... humpf!!!

=P


ahauhauahhauauhauaa! adoro implicar com bellinha, adouro!

raquel disse...

bom, eu leio blog de baixo pra cima pra saber do antes primeiro, entendeu?
Eu acho muito engraçado o papo do carioca: "o Rio não é perigoso não, é só vc não sair com carteira, nem com celular, não usar brinco, não ir em tal e tal lugar, não andar sozinho, ter duas bolsas, etc, etc."
Então tá, vamos combinar que é perigoso sim, né?
as pessoas perdem a referência, não sabem mais o que é "seguro"...