segunda-feira, março 05, 2007

Under construction


Sei que tá meio fora de época, mas antes do Carnaval eu passava em frente ao Pinel – Hospital Psiquiátrico – aqui no Rio e vi um convite para o bloco de Carnaval dos internos. Algo como “Tá pirando. Tá pirado. Pirou”. Mas o que eu achei mais engraçado foi o título do samba enredo.


Ontem Fu Sis fazia umas pesquisa na internet e achou a letra. Segue.

“TÔ MALUCO, MAS TÔ EM OBRA”

Luis Cláudio dos Santos
Aleh Ferreira
Alexandre Wanderley

EU VOU TE CONTAGIAR
MAS NÃO TENHA MEDO, MEU IRMÃO
MINHA FEBRE É DE AGUENTAR
TANTO TEMPO EM RECLUSÃO

VOU SOLTAR MEU GRITO GUARDADO
HÁ QUANTOS ANOS NESSA AVENIDA
JÁ CANSEI DE TANTO ESCULACHO
MAS NÃO DESISTO DA ALEGRIA

SEU D. PEDRO NÃO SABIA
QUE LOUCURA NÃO SE PRENDE
NÃO SE ESCONDE, NÃO SE CALA
NÃO SE MATA NEM SE OFENDE

UM POETA VISIONÁRIO
ELE NÃO ESCUTOU
MAS AGORA VOU LEMBRAR
O QUE O JOE ME ENSINOU:

“NÃO JOGUE FORA SUA LOUCURA, ELA É REAL!”
ENTRE NESSA REALEZA BISýPRA PIRAR O CARNAVAL

PREPARA A AQUARELA,
AFINA O VIOLÃO,
BOTA O MOLHO NA PANELA,
ENLOUQUECE O BARRACÃO

ME DESCULPE, SEU DOUTOR
HÁ REMÉDIOS PRA LOUCURA
O MEU SAMBA É RESISTÊNCIA
MINHA ARTE É MINHA CURA

UM REMEDINHO PODE SER
SE ME CAI BEM, NÃO VOU NEGAR
MAS SÓ SE FOR PRA TEMPERAR
MINHA FOME DE VIVER

E SEU EU TIVER QUE ME INTERNAR
SEGURA AS PONTAS, CORAÇÃO!
É SÓ UM PULO, VOCÊ VAI VER
EU VOU ALI E VOLTO JÁ

EU TÔ MALUCO, Ô LARÁ
MAS TÔ EM OBRA, Ô LERÊ
ME LAPIDANDO NA REFORMA PRA VALER

EU TÔ MALUCO, Ô LARÁ
MAS TÔ EM OBRA, Ô LERÊ
ME LAPIDANDO NA REFORMA, PODE CRER

3 comentários:

Wagner disse...

legal mesmo...

maneiro!!!

JH disse...

quesito "saudável loucura"...

nota 10!

muito bacana.

Menina Eva disse...

Ex-ce-len-te! Muito melhor que o Ti-ti-ti do sapoti!