terça-feira, dezembro 05, 2006

Finalizando...


Não, meu pai não era tudo isso. Era muito mais do que tudo isso. Algumas pessoas nascem ricas. Outras, lindas. Outras ainda, encontram suas almas gêmeas. Outras, menos sortudas, não têm nada disso. Eu tive o melhor pai do mundo. E ainda tenho a melhor mãe do mundo. E a melhor família. Pra mim, pelo menos.

13 comentários:

Anônimo disse...

Princesa, e eu tenho a irmã mais linda, doce, inteligente e amiga do mundo.
Te amo sempre!!!
For Sister

Celso disse...

Olá, Carrie. Cada um de nós tem a família que tem, que é boa ou ruim, dependendo da ótica. Mas uma coisa une a todos: família, para mim, é intocável. Minha família (leia-se: minha mãe e eu, pois meu pai já foi) é intocável. Até hoje eu odeio demais uma namorada que eu tive que distratou severamente minha família, pois, ao meu ver, as mulheres e os amigos passam, mas a família permanece para sempre.
A não ser, é claro, quando a família é o capeta. Aí, não tem como.

Celso disse...

Preciso tirar uma dúvida contigo: ultimamente, toda vez que eu acesso o seu blog, eu tenho o seguinte problema: surge uma tela que diz assim: ADVERTÊNCIA: o EvidenceEraserPro encontrou 948 arquivos perigosos no seu computador. Deseja eliminálos? Responda Sim ou Não". Bem, como nõa sou otário, eu não respondo nada. Pergunto: plantaram alguma bosta de virus ou adware no seu blog?

Carrie, a Estranha disse...

Celso,

Provavelmente isso é propaganda de anti-vírus. Se vc clicar em sim ele vai pedir pra vc experimentar tal anti-vírus assim e assado. Agora, pq aparece justo no meu blog, não sei. O blogger é um sistema usado no mundo todo. Não acredito q seja apenas do meu blog. Mas na dúvida, consulte o seu técnico. Não tente fazer nada sozinho.
Ontem dei uma travada geral. Hoje, foi eu postar outra coisa e liberou. Sistema de graça tem desses problemas.
Bjs

Cris disse...

teu papi deve ter sido um ser todo especial. o meu também é a minha paixão. sou electra assumida e adoro aquele velho como provavelmente você deve adorar o teu (ainda que ele não esteja mais aqui).

off topic: sim, sim, posso escrever, mas pra qual de vocês eu mando???? são tantos que eu fico meio perdida... btw, eu tenho msn, orkut, google talk, essa caraida de coisa. isso deve ter alguma serventia, né? KKKKKKK! bjs

Carrie, a Estranha disse...

carriewhiteaestranha@yahoo.com.br

Pierre Vieira disse...

Figuraça, posso te enviar um e'mail?

Carrie, a Estranha disse...

Manda, porra. Precisa pedir?

Bjs

Anônimo disse...

Minha fofa
Eu sou muito sortuda
Alem de ter tido este tesouro de marido tive a sorte de ter estes tesouros de filhos.
Não podia ser diferente
Mother

Tereza Cristina disse...

Carrie, desde ontem que eu só consigo chorar (por dentro...). Tenho evitado chorar (por fora) pois todo ficam apavorados (principalmente "marido"). As pessoas não sabem muito bem o que dizer/fazer (e eu me incluo) quando vêem uma pequena orfã de 43 anos chorando de saudades da sua mãe.... Fui ler o post sobre o seu pai ... já viu, né???... Só chororô...

*o excesso de reticências está dentro de mim...

Carrie, a Estranha disse...

Ô Tereza! Eu te entendo... Eu te entendo...quer dizer, entendo na medida em q é possível adentrar o universo intransponível q habita cada um de nós. Me solidarizo, melhor seria dizer.

Chore, chore muito. Sofra. Viva cada uma dessas emoções. Converse com a sua mãe. Lembre dela. Veja fotos. Até q ela esteja tão presente na sua vida q a falta material seja um mero detalhe. O menor deles.

Um beijo imenso e todo o meu carinho.

Tereza Cristina disse...

Muito, muito, muito obrigada....

outro beijo

Jussara disse...

Isso que o Celso falou tb aparece pra mim, às vezes;é propaganda mesmo, mas eu apenas fecho a janela; é janela pop-up, um saco.