segunda-feira, outubro 25, 2010

Essa noite eu sonhei com um cara que eu fiquei há um tempo. Só que no meu sonho, ele, que é branco de cabelo liso e preto, era que nem o ruivo de Grey's Anatomy. Que McDreammy, que nada! Que mané Dr Sloan! Depois que o ruivo entrou em Grey's Anatomy eu não tenho olhos pra mais ninguém. Passo mal. E ele é veterano do Iraque. E é atormentado. E ruivo. E tem trauma de guerra. E tem aquela cara de transtornado. E é ruivo. Deus do céus, é ruivo. Completamente ruivo. Todos os pelinhos dele devem ser ruivos. Completamente ruivos. Como um viking. McViking.

No sonho o meu ficante/Dr Owen tinha casado - na vida real ele, o meu quase-ficante, tem namorada. E eu ficava triste. E um cara que era idêntico ao Gilmar, ex-vilão da novela das seis, dizia que ele sempre fazia isso e que não valia a pena ficar com ele. Só que aí depois o Gilmar atirava em todo mundo. Que nem no último episódio de Greys Anatomy da temporada passada, onde um maluco entra atirando no hospital, mata um monte de gente, menos os protagonistas e eles estão até hoje tendo que lidar com o trauma.

E daí que ontem eu fiz concurso do lado de um cara louro-quase-ruivo. Ele até me ajudou a achar meu número de prova. E eu fiquei pensando: puxa, um quase ruivo! Ok, não era um Dr Owen, mas...ruivo E bonito...aí é pedir muito. Em geral uma coisa exclui a outra. Mas mesmo assim eu gosto de ruivos. Embora nunca tenha ficado com nenhum. Ah não. Mintira. Fiquei com um ruivo. Acho. E também de homens com cabelos compridos. E já fiquei com alguns. E também de gordinhos. Embora meu relacionamento que durou mais tempo tenha sido com um cara sem um grama de gordura sobrando no corpo. Mas não recomendo. A pressão para que você também não tenha um grama de gordura no seu corpo é muita. E eu tenho gorduras desde bebê. Mulheres devem ser bonitas. Homens, não. Aliás, acho que eu nunca namoraria alguém que fosse mais bonito que eu. Muita pressão. Mas...nunca se sabe. Às vezes é inevitável. Pelo Dr Owen eu abriria uma exceção.

Enfim. Daí que ontem eu vi o episódio de Grey's Anatomy que eu não tinha visto essa semana e que falava de aberrações. Mostrava os cirurgiões como aberrações. Como crianças malucas que não saem de casa e ficam dissecando sapos. E como uma aberração tenta sempre esconder-se dos outros. E...bom. Eu sou estranha. Daí todas essas associações.

Eu sei, ninguém precisa me dizer.

4 comentários:

***GrAzI disse...

Esse episódio era aquele com o homem cheio de verrugas???? Quase tive pesadelo com aquilo!!

Meu sonho de consumo é um ruivo! São tão belos!! rsrs

Beijos!!

Milema disse...

Oi
Nossa, tb sou totalmente viciada em Greys anatomy e tb acho o Dr Owen um super gato.
Vc reparou nos cilios dele?
E o tórax?
Caramba!!!!

Li Almeida disse...

Eu sempre tive essa coisa de só me relacionar com homens mais feios...na verdade a beleza nunca me atraiu tanto(sempre fui motivo de piada na família e amigos pelos namorados que tinha)...até q encontrei meu marido e ele é lindo...de vdde (sem meus olhos de pessoa que ama) todo mundo estranhou muito qdo começamos a namorar e eu paguei a lingua dizendo que não namoraria uma pessoa bonita. hahaha

Bjo

Carrie, a Estranha disse...

Grazi,

Vi, menina. Era esse mesmo.

Milema,

Não é?

Li,

Quem sabe eu ainda vou pagar minha língua? Mas acho difícil.