sábado, maio 22, 2010

 Meu sobrinho Sil (pronuncia-se Zil. O nome dele é Zilber que é prateado em alemão), o Weimaraner de Rimão está gigante, já. Dois meses e o bicho dá cada pulo que fica na cintura do meu irmão (que tem 1,93). Ele é a cara da minha cunhada, com o corpo e o jeito da minha sobrinha. E minha irmã olhou pra ele e disse: "nossa, a cara da Paulinha!". Eu não sei explicar. Talvez seja o jeito bebê meio marrento-desengonçado.

Como tem energia essa raça de cachorro! Vocês não tem noção. Igual minha sobrinha.

Cada vez mais chego a conclusão que quero adotar um basset hound adulto já.

He he. (adoro quem ri he he. Só não é mais engraçado que hi hi)


* * *


Formiga Mãe foi lanchar hoje em um hotel aqui em Gotham. Hotel bonito, numa bela vista (hãn hãn, pegaram?), construção anos 50, tipo o Overlock Hotel, de O iluminado. Era aniversário de uma amiga dela. Estavam todas lá, sentadinhas, tomando seu chá quando...Luan Santana, que tava vindo fazer show aqui, chega pra se hospedar. Correria, fãs adolescentes e a mesa inteira de amiguinhas de mamãe debanda pra ver o Luan Santana.

Sobram mamãe e aniversariante.

E eu que achava que era Luan & Santana? Assim como pensava que era César, Menotti e Fabiano e Chitãozinho e Xororó eram os pais da Sandyjúnior.


* * *


Esses dias eu conheci ao vivo um cara com quem só falava por e-mail - por motivos outros, nada do que vocês estão pensando, mentes imundas. Até então o cara parecia homem. É casado, inclusive. Tem filho. Sempre falava de coisas de homem, com jeito de homem. Vou conhecer o cara e...uma moça! Jeito de viado, voz de viado, postura de viado. Lady total. Eu sou mais macha que ele.

Ok, ele até pode ser desses que larga a esposa em casa e pega travesti na rua, mas nem me parece. Daí comecei a listar quantos homens que eu julgo homem tem jeito de gay. Uma dúvida se instalou: será que os homens estão ficando muito femininos ou será que esses caras são gays e ainda não descobriram (não tô nem cogitando a hipótese de que eles peguem homem escondido)?

Eles não descobrirem, tudo bem. Mas eu fico boba de ver como as suas respectivas não descobrem. O troço grita. Eu tava com uma amiga que imediatamente, após encontrarmos esse cara, disse: bonito. Pena que é viado, né?

Sei lá, cara. De onde eu venho homem tem jeito de homem. Nada contra gays, não me entendam mal. Nada contra gays com jeito afeminado. E digo mais - e serei totalmente preconceituosa agora, tô avisando - homi meu não faz unha, não. Nem negozdi de luzes e chapinha e esse tipo de frescurage. Que mané pomada, rapá!  Gel? Eu vou te dizer onde você passa esse gel. Nããão, nããão. Metrossexual é o caralho. Isso pra mim tem outro nome. Cheirosinho e limpinho é uma coisa. Isso é ótimo - é mais do que ótimo, é obrigação. Ir ao salão mais do que eu? Tô fora. Não tô dizendo que todo homem que faça isso seja gay, mas comigo, não. Nem eu vou ao salão toda hora!


(Esses dias fui num salão e tinham dois adolescentes com um cabelo estilo Slash do Guns N' Roses e ambos estavam ali pra fazer progressiva. Jim Morrison deve ter dado duas voltas no túmulo. Bons tempos em que quando um adolescente deixava o cabelo crescer era símbolo de contestação. Se você vai deixá-lo todo lisinho e mauricinho, perdeu o sentido).


A Roberta é que usa uma expressão quando quer dizer que um cara é gay. Ela diz: ih, esse aí recebeu o telegrama, já. Pode não ter lido, mas que recebeu, recebeu. Aí a gente estabeleceu uma série de gradações: e Fulano? Ah, Fulano recebeu, desconfia do conteúdo, mas guardou na gaveta. E Sicrano? Ih, Sicrano leu, mas esqueceu onde deixou. E Beltrano? Beltrano tá correndo do carteiro.

Eu não sei em que nível está o meu amigo. Mas que há um telegrama rondando, isso há.

Tenho outro amigo que várias pessoas da minha família são doidas pra eu casar com ele. Formiga Irmã, ao ouvir a teoria pela primeira vez: ah, só se ele for de vestido de noiva.

Pois é. Não sei o que é mais improvável: eu casar de vestido de noiva ou casar com esse amigo.


* * *


E hoje foi mais um daqueles dias em que eu pensei: "ainda bem que eu sou eu". Com tanta gente no mundo, as chances de eu ter sido outra pessoa são enormes. Mas ainda bem que tudo deu certo. Ufa.

Lendo o Twitter essa sensação é cada vez mais forte

6 comentários:

trinity disse...

Minha labradora de 5 meses virou um boi louco.

E desculpa o erro "índio" no outro comentário...

***GrAzI disse...

Tbém sou meio chata com homem que se cuida mais do que eu... e olha que sou vaidosa, mas nada exagerado!
Outra coisa que não gosto é homem com muitos adereços: aneis, correntes, pulseiras... tenho maior repulsa disso! Acho muito feio!

Carrie, a Estranha disse...

Grazi,

Eu tb! Nossa, tenho "gastura" de homem - e mulher tb - c/ muuuita coisa.

Trinity,

Isso acontece nas melhores famílias. Nem reparei. ;)

Ivy disse...

gentén, o q é homem fazendo depilação? pelo amor do santo, raspar o peito??? dá pra mim não, cara

Alê disse...

Eu ri muito com a progressiva e o Jim Morrison.

É verdade, tem muita gente por aí cheia de correntes e pulseiras querendo ser Frida Kahlo.

Frida é única.

Beijos

Alê

História_manhã disse...

Aqui em casa, quando desconfiamos que alguém seja gay, falamos: "Alvará ele tem, não coloca a firma para funcionar porque não quer."kkk

Bj.Rogério