terça-feira, agosto 14, 2007

Das vantagens em ser uma formiga


É muito bom ser uma formiga. Formigas, quando pouco numerosas, não atrapalham ninguém. Formigas não são muito notadas. Mas o fato de não sermos notadas faz com que possamos trabalhar em paz. Não somos ameaça. As pessoas se preocupam com baratas, ratos... Formigas, não. Apenas passeiam de lá pra cá com folhinhas nas costas. As pessoas acham que nós comemos as folhinhas. Não. As folhinhas são para ajudar na construção e acomodação do formigueiro. Sabem como é, né? Casa tá sempre dando problema – ainda mais casa com muita gente. É um encanamento que estoura, uma porta que precisa de conserto...daí as folhinhas são pra isso.

Formigas entram em qualquer lugar e saem de qualquer lugar. As pessoas acham que a vida de uma formiga é chata, afinal ela fica ali, andando de um lado pro outro, conhece poucos lugares e pode ser esmagada a qualquer momento. Não! É tudo mentira! Ou quase. A gente anda muito, mas como somos pequenas descobrimos sempre caminhos novos. Onde os humanos apenas pisam nós subimos, descemos, encontramos uma pedra, uma gota de chuva para nadar, um raminho pra fazer sombra e com isso vamos aproveitando muito mais o caminho. Conhecemos muitos lugares porque conhecemos em profundidade. E sobre a possibilidade de sermos esmagadas a qualquer momento...bom, isso faz com que vivamos cada dia como se fosse o último. Ou vocês humanos acham que não podem ser esmagados a qualquer momento?

Ninguém repara no nosso trabalho a não ser quando o estrago já foi feito. Quando o doce, ou outros alimentos deixados na mesa, já está infestado por nós – outro mito: o de a gente gosta de doce; gostamos de alimentos em geral. E restos de pequenos animais. Ah, não faça essa cara, humano! Você também come animais! E pior: você mata pra comer. A gente só come os já mortos.

Formigas andam peladas e descalças. Formigas são livres.

Formigas não pagam impostos.

Eu gosto de ser uma formiga.

6 comentários:

Anônimo disse...

Lindo texto!!!
Eu adoro ser dona de uma formiga!!!
Beijos, Formiga Irmã

Lara disse...

Interessante.. nunca havia analisado as formigas por esse prisma hehehe
beijos

Carrie, a Estranha disse...

Vc não é minha dona. Formigas são livres.

Lívia disse...

Carrie, obrigada pela visita lá no meu bloguinho. Quando penso nas formigas, logo me vem à mente o ditado "devagar e sempre". Quietinhas e trabalhadeiras, elas vão longe.

Marinha Maroca disse...

Gostei do blog. Textos interessantes, divertidos e bem escritos.

Volto sempre.

Carrie, a Estranha disse...

Oi, MArinha...

bigada.

bjs